Juk Po – Registro Genealógico

Grão-mestre Leo Imamura

Grão-mestre Leo Imamura Décima Geração 

( Grão-mestre Leo Imamura)

Em 1971, iniciou a prática de artes marciais japonesas, visto sua ascendência.

Em 1979, iniciou seu contato com o Sistema Ving Tsun, através de livros e pessoas que tinham algum conhecimento da arte.

Em 1982 – Ingressou na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo e desiste 5 anos depois para dedicar-se exclusivamente à preservação do Sistema Ving Tsun.

Em 1985, aos 22 anos, foi o primeiro brasileiro a concluir todos os níveis de treinamento instituídos por um mestre chinês radicado no Brasil. O nome deste mestre era Li Hon Ki.

Em 1987, decidiu viajar para China sem ter conhecimento da língua chinesa e inglesa.

Em 1987, aos 24 anos, tornou-se o primeiro sulamericano a ser reconhecido como Mestre Qualificado de Ving Tsun pela Yip Man Martial Art Athletic Association, uma das duas entidades históricas de Ving Tsun da China.

Em 1987, conheceu Grão-Mestre Moy Yat e decidiu seguir o grande mestre,  iniciando novamente o caminho do Ving Tsun. Sem recursos financeiros e desconhecendo o Inglês, passa por momentos críticos nos primeiros anos.

Em 1987, Grão-mestre Leo Imamura ingressou na Faculdade de Educação Física de Santo André (FEFISA), considerada uma das três melhores do país, classificando-se em 4o. lugar.

Grã0-mestre Leo ImamuraEm 1989, torna-se o mais novo membro da Família Moy Yat a receber o Jiu Pai, a placa tradicional de ensino qualificado.

Em 1992, aos 29 anos, o Conselho Federal de Educação do MEC acolheu a indicação de seu nome como professor responsável pela cadeira de Artes Marciais na FEFISA. Foi paraninfo 8 vezes seguidas em sua carreira universitária de oito anos.

Em 1993, por seus artigos escritos em revistas especializadas, a Ordem Internacional dos Jornalistas outorgou-lhe a láurea “Cruz da Igualdade. Liberdade e Fraternidade”.

Em 1994, foi eleito por aclamação presidente da Federação Paulista de Kung-Fu. Após estruturar o Kung-Fu no Estado de São Paulo, deixa a entidade para concentrar-se em projetos internacionais.

Em 1994, por ter introduzido a disciplina Artes Marciais no 3o. Grau recebeu a Grã-Cruz da Educação e Integração da Sociedade Brasileira de Educação e Integração.

Em 1996, aos 33 anos, foi reconhecido como Mestre Sênior, 7o.

Em 1998, foi o único latino americano a ser convidado para participar do Curso de Instrutor Sênior da Ving Tsun Athletic Association, qualificação docente máxima outorgada por esta entidade histórica do Ving Tsun na China.

Em 2000, foi incumbido por Grão-Mestre Moy Yat a desenvolver o projeto de desenvolvimento do Sistema Ving Tsun para o Século XXI, hoje chamado “Programa de Inteligência Marcial Moy Yat Ving Tsun” (Moy Yat Ving Tsun Martial Intelligence Program).

Em 2001, com o falecimento de seu mestre, Grão-mestre Leo Imamura passou a dedicar-se integralmente ao desenvolvimento do programa que irá apresentar um novo conceito de artes marciais para o mundo.

 

 Tags: Grão-mestre Leo Imamura | Mestres de Ving Tsun no Brasil | Ving Tsun Niterói | Ving Tsun Online em Português | Moy Yat Ving Tsun

APRENDA UM POUCO EM CASA

Seja nosso Estudante Online na WebClass!

Acesse hoje o mais completo Curso de Aprendizado Online de Ving Tsun com Sifu Monnerat nas WebClass ricas em detalhes, Interaja com seu Sifu Online nas Web Aulas em tempo real.

Tire suas dúvidas e aprenda com as questões dos demais participantes.

Vìdeo Aulas Wing Chun

© 2018 Moy Ka Wing Chun Society  - Núcleo Nacional - All Rights Reserved - Hosted by gmsite.com.br in Canadian - CA         -          Início   |  Journal   |   Eventos   |   Suporte

logorereadygraph
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account